Notícias

Projeto de Lei – Liberação de vagas no SUS

Estabelece norma ao Serviço de Atendimento Médico de Urgência (SAMU) para a remoção dos pacientes aos hospitais.

Nas ocorrências atendidas, no socorro clínico e de traumas leves, pelo SAMU, os pacientes são removidos para as emergências do Sistema Único de Saúde (SUS), mesmo que possuam um plano privado de Saúde.

Levando em conta a superlotação corriqueira, o atendimento acima da capacidade do SUS, a remoção para um hospital privado (devido ao paciente ser convênio) acarretaria na liberação de um leito, ou seja, no desafogamento das emergências. Isso, principalmente pois o paciente com convênio, ao chegar ao SUS, pede a transferência para o seu hospital privado. Ou seja, o processo seria agilizado, otimizado.

Em resumo, o projeto visa reduzir a quantidade de pessoas direcionadas à rede pública, quando possível, encaminhando à privada – deixando o leito livre a quem precisa.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Scroll to top