Mês: setembro 2019

Atenção ao Déficit de Atenção e Hiperatividade

Como identificar e apoiar a causa

O Transtorno do Déficit de Atenção e Hiperatividade, também conhecido como TDAH, precisa da atenção da sociedade civil e organizações governamentais. Esse transtorno é, normalmente, identificado na infância e pode persistir na fase adulta dos cidadãos. Contribuindo para a incidência de situações adversas das pessoas direta ou indiretamente envolvidas. Por isso, pedimos Atenção!

Lamentavelmente, por falta de conhecimento sobre o tema, em alguns casos, a expressão “TDAH” é utilizada de forma pejorativa. O TDAH é um distúrbio neurobiológico crônico caracterizado por desatenção; dificuldade em manter foco; agitação motora e impulsividade. Estudos indicam que esse transtorno afeta de 3% a 5% das crianças em idade escolar, a maioria meninos.

A identificação e diagnóstico deste transtorno na infância é de fundamental importância. Para que seja possível evitar sérios problemas que podem perdurar por toda a vida.
Caso os sintomas não forem devidamente reconhecidos e tratados. Além do problema fim, suscitam-se outras dificuldades, a exemplo da baixa autoestima, relacionamentos problemáticos, dificuldade na escola, rótulos depreciativos que não correspondem ao potencial psicopedagógico, ou no trabalho. O diagnóstico e providencias cabíveis são capazes de eliminar adjetivos errôneos às pessoas com TDAH. Quando muitas, são consideradas preguiçosas, mal-educadas, desajeitadas, incompetentes.

Ampliam-se os movimentos em favor da conscientização dessa causa. Em Porto Alegre, apresentamos o projeto que originou a Lei Nº 12.469/2018, que inclui a Semana de Conscientização sobre o Transtorno de Déficit de Atenção com Hiperatividade (TDAH) no  Calendário de Datas Comemorativas e de Conscientização do Município. A qual deve ocorrer na semana que incluir o dia 19 de setembro. Realizamos seminário sobre o tema, aprovamos Indicativos ao Executivo para ações de diagnóstico e adaptações ao atendimento de portadores do TDAH nas Escolas da Rede Municipal. Neste período, de forma incisiva, chamamos a atenção de todos os cidadãos, governantes, instituições representativas, principalmente à comunidade escolar e todos os profissionais da área da saúde, sobre a importância da ATENÇÃO, em todos os sentidos e vias, a qual é fundamental na vida de todos nós.

3ª edição da Frente Parlamentar da Prematuridade

Nesta segunda-feira, dia 9, a 3ª edição da Frente Parlamentar da Prematuridade abordou a capacitação das equipes de saúde e seus impactos para os prematuros.

A Supervisora Técnica do Programa Primeira Infância Melhor (PIM), Carolina Drugg, do Estado, apresentou às ações que o programa realiza. Presente desde a gestação como às visitas domiciliares a gestantes e mães.

“Percebemos no final do atendimento a importância desse acompanhamento para o processo organizativo dessas mães.”

Representante do PIM municipal, Tatiane Bernardes, atualizou sobre os dados de Porto Alegre que, somente este mês, acompanha 105 gestantes. Para ela, a capital conta com inúmeros desafios, como gravidez na adolescência, desnutrição e obesidade. Em meio ao debate quanto a realização dos serviços, Carolina Drugg observou que

“hoje um prematuro que ficou um internado após o nascimento, quando chega em casa é acompanhada como qualquer outra criança. E não deveria ser assim”. 

Nesse sentido, foi proposto um novo formato de acompanhamento nas visitas domiciliares. Que juntamente com a presidente da ONG prematuridade, Denise Leão, deve ser desenvolvido com o objetivo de contribuir na capacitação dos agentes (a ponta) em contato com as famílias de prematuros. 

A próxima reunião da Frente Parlamentar acontece dia 7 de outubro, na Câmara de Vereadores, com a temática Higiene e segurança do paciente.

Homenagem ao Mestre Murgel

Admiração, reconhecimento e respeito representam a biografia do Mestre Murgel.

Porto-alegrense, 74 anos, Murgel treina artes marciais há mais de cinquenta anos. É considerado um dos mais experientes mestres de jiu-jitsu mundial, faixa coral vermelha e branca 8°grau de jiu-jitsu. Foi professor da modalidade nas primeiras aulas ministradas em Porto Alegre. Além de ter colaborado com o estabelecimento dessa arte no RS.

É fundador e mestre da equipe Union World Fighting Team, ou Union Team, que hoje possui filiados no mundo todo. Incluindo as academias filiadas no Rio Grande do Sul, que uniram-se para prestar uma homenagem de reconhecimento e gratidão. Nessa segunda-feira, dia 2, na Câmara Municipal de Vereadores.

“Mestre Murgel, nesta oportunidade, destacamos a importância do esporte e das artes marciais para desenvolvimento social e práticas irretocáveis à vida de nossos jovens. Reconhecemos o seu trabalho e postura para o bem e, mesmo que radicado nos Estados Unidos, onde és treinador- chefe da equipe Union Team BJJ, queremos ressaltar que estás entre nós, gaúchos, através do seu legado e exemplos”, mencionou o vereador Mendes Ribeiro, proponente da homenagem.

Scroll to top